Faixa do topo de Notícias
Banner de Notícias
Fique por dentro sobre tudo que acontece no mercado financeiro, no Brasil e no Mundo.
Economize com a compra do material escolar dos seus filhos
Economize com a compra do material escolar dos seus filhos

18 de janeiro de 2017

No mês de janeiro os pais precisam de criatividade para animar as férias escolares das crianças – principalmente quando o seu recesso não coincide com o deles. Mas essa é apenas uma das preocupações típicas desse mês: entre as contas a pagar, está o material escolar. Como a despesa com impostos e as dívidas herdadas dos gastos de fim de ano pesam bastante no orçamento, é preciso ter muita cautela na papelaria e pulso firme para não ceder a todos os apelos dos filhos.
Aliás, se todas as crianças se empolgassem com o período letivo como se empolgam com a compra do material escolar, todos os pais esbanjariam motivo de orgulho com os boletins. A questão é que a compra tende a ficar muito mais cara se os pais optarem por comprar o material das franquias mais buscadas. Pesquisa feita pelo Procon-SP em papelarias da capital paulista apontou, por exemplo, que um caderno com as mesmas especificações e do mesmo fabricante, pode saltar de R$ 9,60 (opção mais simples) para R$ 27,00 (opção de franquia), somente em função da capa.

De um modo geral a pesquisa levantou os preços de 168 produtos e constatou um aumento de 12,97% nos preços em comparação à pesquisa do ano anterior. O percentual ficou bem acima da inflação registrada no mesmo período em São Paulo (IPC-SP), que foi de 6,65% de acordo com a Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas).

Além do critério de selecionar itens mais baratos e preferencialmente que não sejam de franquias de personagens infantis e de adolescentes, vale também reunir alguns pais para a realização de compras coletivas. Esse processo facilita a negociação por preços melhores. Pesquisa nacional feita pelo Sistema Fecomércio RJ/Ipsos apontou que das pessoas entrevistadas que têm intenção de comprar material escolar, 51% disseram que vão pagar à vista, percentual maior do que a apuração de 2016 (46%). As compras à vista também são uma forma eficaz de conseguir descontos relevantes.

Vale ainda analisar minuciosamente a lista de material e avaliar o que pode ser reaproveitado do ano anterior. Itens como tesoura sem ponta, réguas, estojos, mochilas, entre outros, podem ter uma vida útil longa, desde que o estudante tenha cuidado. Aos pais que têm filhos com idades próximas, também é possível aproveitar livros didáticos que não estejam rasurados ou desatualizados.

Por fim, seja criterioso ao avaliar o que está sendo pedido pela escola. Algumas instituições colocam itens abusivos na lista e você não tem obrigação de comprá-los – como material de higiene e limpeza. Também não é permitido exigir a marca dos produtos da lista. Fique de olho, boas compras e ótimo ano letivo para seus filhos.

 

Fonte:G1

« | »
← Voltar para a listagem de notícias
Alerta contra Fraudes
Atenção: fraudadores se passam por funcionários de empresas respeitadas para efetuar golpes. Entre sempre em contato direto com a empresa antes de fechar um negócio. Na Credilink todos os consultores podem ser acionados pelo telefone 4007-1762.
Alerta contra Fraudes

AVISO IMPORTANTE

A Credilink é uma empresa de informações cadastrais para Proteção ao Crédito e Prevenção à Fraude. Reforçamos que não atuamos com serviços de empréstimos.

Acompanhe sempre nossos canais oficias:

facebook.com/credilink
facebook.com/confirmeonline
instagram.com/credilink
linkedin.com/company/credilink
twitter.com/credilinkinf