Faixa do topo de Notícias
Banner de Notícias
Fique por dentro sobre tudo que acontece no mercado financeiro, no Brasil e no Mundo.
Dicas sobre o que NÃO fazer na Black Friday
Dicas sobre o que NÃO fazer na Black Friday

22 de novembro de 2018

Em nossas últimas matérias, você pode conferir dicas para aproveitar a Black Friday com segurança, mas desta vez nós separamos dicas sobre o que NÃO fazer durante o evento.

– NÃO compre em lojas que aparecem na lista do Procon-SP

Em nossa última matéria, falamos sobre a lista de lojas suspeitas do Procon-SP, que a mantém atualizada desde 2012 com lojas que receberam reclamações, foram notificadas, que não responderam ou que seus responsáveis não foram encontrados.

A lista do Procon-SP também está presente nos antivírus mais eficientes, assim como outras blacklists para bloquear acesso a sites falsos ou maliciosos.

São mais de 400 lojas que devem ser evitadas. Confira nossa matéria sobre a lista do Procon-SP clicando aqui.

– NÃO clique em promoções disponíveis apenas por links encurtados

Durante o evento será comum receber indicações de promoções por amigos e diversos veículos através do Whatsapp, SMS, Facebook e outros canais, mas é preciso ter cuidado com links encurtados que podem facilmente esconder links infectados ou sites falsos que tentam se passar pela loja real.

O objetivo é enganar desatentos que adicionarão seus dados nos sites falsos, e que após serem infectados, passarão automaticamente e sem conhecimento, a mesma sugestão maliciosa para outros amigos.

– EVITE lojas com URLs sem HTTPS

Você pode ter percebido em algum momento que alguns sites tem a letra “S” após o “http” em seu endereço. Este “S” certifica que a conexão é segura entre seu dispositivo e o site, preservando seus dados pessoais, bancários e de cartão de crédito. Também é comum aparecer um cadeado em sites com conexão segura.

No entanto, é preciso ter atenção, pois apesar de certificados garantirem a segurança para transações com dados em sites conhecidos e confiáveis, ele não garante exatamente que um site seja seguro, já que golpistas podem consegui-los para utilizar em sites falsos. Por isso, fique atento confirmando o endereço correto e outros detalhes do site que deseja comprar.

– Não use redes Wi-Fi públicas

Durante o evento, a urgência para adquirir alguma promoção pode fazer com que acesse uma rede não segura, mas é melhor evitar transações financeiras em redes públicas como de shoppings, aeroportos, bares e lojas.

– NÃO compre sem verificar informações das lojas

Na Black Friday ou não, é importante checar informações básicas da loja como Razão Social, CNPJ e endereço. A falta destes dados pode sugerir que é melhor passar longe dessa loja.

– NÃO confie em todas URLs e e-mails

Muitos sites e e-mails de golpistas utilizam pequenos erros ortográficos para enganar desatentos como ‘rnercadolivre’ ao invés de ‘mercadolivre’ para fazer com que o “RN” se pareça com um “M”.

– NÃO confie em ninguém, desconfie de tudo

Em muitos ataques online, a pessoa que você mais confia é utilizada por golpistas para repassar involuntariamente links infectados, desta forma é importante desconfiar de tudo e todos, checar todas as newsletters, emails, mensagens por Whatsapp, Facebook, SMS ou qualquer outra forma em que possa receber links clicáveis, principalmente caso não tenha se cadastrado para receber o informativo.

Boas compras!

 

Fonte: Redação Credilink

« | »
← Voltar para a listagem de notícias
Alerta contra Fraudes
Atenção: fraudadores se passam por funcionários de empresas respeitadas para efetuar golpes. Entre sempre em contato direto com a empresa antes de fechar um negócio. Na Credilink todos os consultores podem ser acionados pelo telefone 4007-1762.
Alerta contra Fraudes

AVISO IMPORTANTE - CORONAVÍRUS

Para preservar os nossos funcionários, os atendimentos estão funcionando apenas nos e-mails:

Suporte: suporte@credilink.com.br
Financeiro: financeiro@credilink.com.br
Pos-venda: posvenda@credilink.com.br

Os nossos telefones fixos estão temporariamente indísponíveis.

Salientamos que os nossos serviços continuam funcionando normalmente 24h por dia.