Fique por dentro sobre tudo que acontece no mercado financeiro, no Brasil e no Mundo.
Cartilha de Segurança: Protegendo sua privacidade

13 de julho de 2019

A tecnologia e os dispositivos conectados à internet já fazem parte do nosso dia a dia. Estão presentes por todos os lados. Das redes sociais ao e-mail do trabalho, do smartphone sempre à mão à smart TV na sala de casa, estamos sempre acessando conteúdos, recebendo informações, trocando mensagens ou curtindo algum entretenimento. É inegável que toda essa tecnologia trouxe muitos benefícios para nossas vidas.

No entanto, ao realizar atividades online diariamente, você pode revelar informações pessoais que podem ser usadas por outras pessoas para invadir sua privacidade. Isso pode incluir informações confidenciais, como endereço IP, email, localização física atual ou endereço da residência ou do trabalho. Por exemplo, transações de compras geralmente exigem informações de cartão de crédito e endereço residencial.

Informações são a moeda da Internet. Sua privacidade na Internet depende da sua capacidade de controlar a quantidade de informações pessoais que você fornece e quem tem acesso a tais informações.

Suas informações estão em risco na Internet?

Ao realizar atividades online diariamente, você pode revelar informações pessoais que podem ser usadas por outras pessoas para invadir sua privacidade. Isso pode incluir informações confidenciais, como endereço IP, email, localização física atual ou endereço da residência ou do trabalho. Por exemplo, transações de compras geralmente exigem informações de cartão de crédito e endereço residencial.

Como suas informações acabam na Internet?

Empresas, governos e outras organizações coletam dados quando você:

– Configura uma conta online
– Faz uma compra em uma loja online
– Inscreve-se em um concurso
– Participa de uma pesquisa
– Baixa um software gratuito
– Navega na Web
– Usa aplicativos em seu computador ou dispositivo móvel
– Posta fotos ou seu status em redes sociais

Ao efetuar as ações acima, você também corre os seguintes riscos abaixo:

– Acesso a conteúdos impróprios ou ofensivos
– Contato com pessoas mal-intencionadas
– Furto de identidade
– Furto e perda de dados
– Invasão de privacidade
– Divulgação de boatos
– Dificuldade de exclusão
– Dificuldade de detectar e expressar sentimentos
– Dificuldade de manter sigilo
– Uso excessivo
– Plágio e violação de direitos autorais


Abaixo listamos algumas dicas para ajudar em sua segurança e proteção de seus dados online. Tome essas precauções e divulgue essas informações para que todos possam ter uma navegação mais segura:

– Mantenha os softwares de seu computador e smartphone sempre atualizados, especialmente os programas antivírus. Procure também instalar programas de firewall e criptografia que ajudam a manter seus dados seguros.

– Fique atento ao recebimento de mensagens não solicitadas que peçam informações pessoais ou download de arquivos. Se for de alguma instituição, entre em contato por telefone para se certificar se a mensagem é autêntica. Nunca preencha formulários ou baixe arquivos sem ter certeza de sua procedência.

– Não utilize senhas fáceis de serem reproduzidas ou relacionadas a você, como sua data de aniversário ou de pessoas próximas. Procure criar senhas aleatórias, que misturem letras maiúsculas e minúsculas, números e caracteres especiais.

– Não utilize computadores públicos para acessar informações sigilosas, como dados bancários. Essas máquinas podem estar programadas para reter informações como número da conta e senha de acesso. O mesmo vale para a utilização de redes de Wi-Fi públicas. Ao acessá-las, evite entrar em conteúdo sigiloso e digitar senhas, pois elas podem estar sendo capturadas sem você perceber.

– Após acessar sites que exijam senha, lembre-se de sair deles fazendo o logout. Isso evita que seus dados fiquem expostos caso outra pessoa acesse o computador.

– Se for armazenar conteúdo pessoal na nuvem, em serviços como Dropbox, Google Drive etc, prefira fazê-lo em arquivos compactados com senha. Assim, mesmo que alguém consiga acessá-los, não poderá ver seu conteúdo.

– Nas redes sociais, fique atento ao grau de privacidade do que você posta. É sempre possível configurar para que apenas amigos ou mesmo algumas pessoas específicas vejam o que você compartilha. Manter a configuração de privacidade totalmente aberta é sempre um risco de exposição de suas informações a pessoas que você não conhece.

« | »
← Voltar para a listagem de notícias